quarta-feira, maio 15, 2024

Idiomas Chinese (Simplified)EnglishFrenchGermanItalianKoreanPortugueseSpanish

InícioNotíciasIAElon Musk e especialistas pedem pausa no desenvolvimento de IA

Elon Musk e especialistas pedem pausa no desenvolvimento de IA

Em carta aberta, Musk, Wozniak, especialistas e executivos defendem suspensão de seis meses no treinamento de sistemas mais potentes que GPT-4

As ferramentas de inteligência artificial liberadas nos últimos meses, como o Dall-E e o ChatGPT, impressionaram e assustaram muita gente. Neste segundo grupo, estão ninguém menos que Elon Musk, intelectuais, pesquisadores do setor e executivos. Em uma carta aberta, eles pedem uma pausa no desenvolvimento de tecnologias deste tipo.

A carta foi publicada pela associação sem fins lucrativos Future of Life Institute — que é parcialmente financiado pela Musk Foundation.

Segundo o documento, a inteligência artificial pode causar rupturas políticas e econômicas. Por isso, ela representa um risco para a sociedade e a civilização.

Os apoiadores consideram que os laboratórios do setor estão em uma corrida fora do controle para desenvolver sistemas que ninguém consegue nem mesmo entender e prever — incluindo seus próprios criadores.

Os signatários pedem um pausa de, no mínimo, seis meses no treinamento de sistemas mais potentes que o GPT-4. Caso as empresas não concordem, os governos deveriam intervir.

Além disso, a carta propõe que as empresas criem protocolos rígidos de segurança, que seriam compartilhados entre todas. Os projetos e desenvolvimentos também seriam auditados por especialistas independentes.

Elon Musk defende regulação da IA há anos

Não é a primeira vez que Musk mostra preocupação com a inteligência artificial. Em 2017, ele já defendia uma regulação do setor, antes que fosse “tarde demais”.

Naquele mesmo ano, o comandante da Tesla e da SpaceX se juntou a outros líderes do setor para pedir à ONU a proibição de armas de guerra robóticas, por temer que elas saiam de controle.

Steve Wozniak e Yuval Hariri também apoiam movimento

Além de Musk, outros figurões assinaram a carta:

  • Steve Wozniak, co-fundador da Apple;
  • Jaan Tallinn, co-fundador do Skype;
  • Evan Sharp, co-fundador do Pinterest
  • Yuval Noah Hariri, autor dos livros Homo Deus e Sapiens;
  • Andrew Yang, político e pré-candidato à presidência dos EUA em 2020 e à prefeitura de Nova York em 2021.

Pesquisadores da DeepMind também estão entre os apoiadores. A empresa é de propriedade da Alphabet, que também é dona do Google.

O site do Future of Life Institute tem um formulário para novas assinaturas. Como ele não verifica identidades, já apareceram algumas falsas, como a de Sam Altman, CEO da OpenAI — uma das empresas que estão na corrida do setor.

Via tecnoblog.net

NOTÍCIAS RELACIONADAS

+ LIDOS